Pular para o conteúdo principal
Anoitece em mim
condição do repouso à luz,
ouço sobre o arder da vida
ilhar-se onde tudo contém

contemplo teu tempo
está sempre a chegar
mais íntimo te sinto
pois ainda sei muito pouco de ti
desse modo
rasgo o céu

hoje minha fonte é clara

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

...

foi aí por aí....

"o povo não se mexia mais, apavorado, com medo, medo de fechar as portas, com medo de ficar na rua, com medo de falar e de ficar calado, com medo de existir."

(guimarães rosa)