Pular para o conteúdo principal
como não ver o risco da pressa nesse rosto inaugurado?

de uma poeira espalhada
um furacão diz de tua sombra,
orações inaudíveis
a tua volta.
Cresce aqui
a primeira folha
de um encontro.
Um meio de escrever
em teus olhos
o limite dessa fresta.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

...

foi aí por aí....

"o povo não se mexia mais, apavorado, com medo, medo de fechar as portas, com medo de ficar na rua, com medo de falar e de ficar calado, com medo de existir."

(guimarães rosa)