Pular para o conteúdo principal
para Jorge

um homem desenha árvores na casa inteira
no olhar
Jorge
azul e água
no chão um gato do mato
irmão menor

dentro dele
cigarros e uma enorme vontade de ouvir
a idade é presença de quem está

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

...

foi aí por aí....

"o povo não se mexia mais, apavorado, com medo, medo de fechar as portas, com medo de ficar na rua, com medo de falar e de ficar calado, com medo de existir."

(guimarães rosa)